A embalagem é o grande agente de comunicação e uma eficiente ferramenta de marketing. Logo, uma embalagem bem projetada e desenhada impacta positivamente a venda, tanto quanto um bom anúncio na TV, na revista ou na web.  

Aquela embalagem produzida por um bom designer pode criar uma relação com o consumidor, aumentando o valor — e não o preço — daquele produto. A sua parte externa não é feita apenas com rótulos, mas sim, de imagens que remetem valores emocionais que vão ser rapidamente reconhecidos pelos consumidores.

Isso faz com que as pessoas se identifiquem com aquela mensagem e tornem-se consumidores fiéis da marca. Neste post você vai saber como a embalagem e venda estão associadas. Vamos começar?              

Importância da embalagem

De acordo com uma pesquisa da Nielsen, 76% dos lançamentos fracassam já no primeiro ano de vida, e a embalagem do produto pode fazer a diferença entre o sucesso e fracasso. É o que comprova o estudo “A hora certa de ativar o shopper” ao revelar que cerca de 70% das decisões de compra são tomadas em frente às gôndolas.

Além de serem bonitas, as embalagens, precisam oferecer praticidade e apresentar os atributos perceptíveis da marca. Assim como trazer segurança e conforto para quem for usá-las, sem falar da confiabilidade. Afinal, a embalagem é parte do produto, sendo percebida pelo consumidor como algo integrante do que consome.

Por isso, antes de partir para o desenvolvimento de sua embalagem, prepare um checklist com os pontos a serem considerados: estar atento às necessidades de comunicação do produto, pensar no valor agregado, estudar a logística geral e estar atento aos desejos do consumidor.

Marketing do produto

A embalagem vai criar a principal ponte de comunicação entre a marca e o cliente. Ela precisa transmitir a mensagem do produto ao mesmo tempo em que se adéqua a “linguagem do público-alvo”.

Objetivos estratégicos

Os objetivos estratégicos almejados a curto, médio e longo prazo também devem ser considerados no planejamento da embalagem. Ou seja, no momento de sua criação, é preciso ter em mente futuras alterações, sejam permanentes ou sazonais.

Comunicação

A embalagem serve para a marca comunicar-se com o consumidor, incluindo ações específicas do marketing, como promoções em que o consumidor precisa digitar um código impresso na embalagem para concorrer a uma premiação.

Valor do produto

A embalagem tem o poder de agregar valor ao produto, justificando seu preço e influenciando na decisão de compra.

Logística

Aspectos referentes ao transporte, proteção e estocagem não podem ser esquecidos no planejamento da embalagem.

Desejos do consumidor

Descobrir as necessidades e vontades inconscientes do consumidor representa uma vantagem decisiva frente a concorrência, pois o comportamento “racional” das pessoas não é tão lógico quanto esperávamos.    

Funções da embalagem

Ter uma embalagem com um bom apelo visual, pode, cientificamente, ajudar sua marca a ser lembrada facilmente pelas pessoas, destacando-se perante as outras. Além disso, há outras funcionalidades importantes. Veja!

Proteger a saúde

Uma das funções das embalagens é proteger todos os produtos, garantindo que sejam apropriadas para o consumo.

Evitar desperdício

A embalagem é essencial nos processos logísticos, pois quando bem elaborada, permite o aproveitamento de espaço ao distribuir mais produtos em uma mesma viagem. 

Também reduz perdas e facilita o manuseio da mercadoria durante as etapas de transporte, além de garantir ganhos ambientais, ao diminuir a quantidade de CO² na atmosfera com a redução do número de viagens no processo logístico. 

O design de embalagens

Ainda que você tenha boas ideias, é necessário que essa tarefa seja delegada a um profissional responsável pelo seu desenvolvimento, pois ele vai saber identificar as melhores cores, texturas e formato para o seu produto.

Você pode responder o briefing inicial e deixar que ele crie algumas embalagens para que alguns testes sejam realizados. Faça demonstrações grátis e observe o feedback do seu público e as reações que as pessoas têm diante de cada protótipo.

Não esqueça que a embalagem deve chamar atenção pelas cores escolhidas e conter todas as informações relevantes para o consumidor. No entanto, cuidado para não pecar pelo excesso e poluir seu gráfico. Ou seja, não abuse de letras, nomes ou outros itens que prejudiquem a fácil leitura.  

Para ajudá-lo a nessa tarefa, listamos 5 dicas para a elaboração de uma embalagem atrativa.

1. Ofereça proximidade e autorreconhecimento

Crie embalagens com base em estudos profundos em relação às cores e tipologia. Isso permite que o consumidor associe a embalagem à sua marca assim que visualizar o produto na gôndola, facilitando a venda.

2. Não tenha medo de ousar

A ousadia é a chave para o diferencial e os consumidores preferem os produtos com embalagens mais atraentes. Por isso, ouse bastante para se destacar no meio da concorrência.  

3. Priorize embalagens funcionais

As embalagens de suco que vem com o canudo já foram incorporadas aos hábitos dos clientes por trazerem praticidade e facilitar o manuseio. Logo, pense no formato ideal, agregando valor ao produto.

Se o seu produto tem uma certificação orgânica, por exemplo, informe isso ao cliente, pois as certificações transmitem credibilidade.

O uso de ícones também é importante. No caso das bebidas funcionais, que não contém glúten, isso ajuda o consumidor a compreender a mensagem.

4. Foque no essencial

Dê atenção à mensagem que a marca pretende transmitir aos consumidores, destacando os benefícios do produto. Isso vai estimular a compra. Lembre-se de seguir as exigências legais para cada categoria.

Na dúvida, faça o protótipo da embalagem desejada e leve a campo para avaliação do consumidor, pois uma simples alteração pode provocar novas percepções.

5. Seja criativo

A criatividade é um fator necessário para que as embalagens da sua empresa se destaquem no mercado. Muitas vezes, ideias simples podem despertar o interesse do público, como as latas personalizadas com nomes próprios da Coca-Cola. 

Portanto, prepare com antecedência a criação de sua embalagem, estudando tudo o que estiver ao seu alcance sobre o assunto. Elabore metas claras e precisas. Assim, na hora de tratar do assunto com seu estúdio de design ou agência de comunicação, você poderá avaliar melhor se a equipe designada para seu projeto está em sinergia com os objetivos almejados em sua estratégia.

Bem, agora você já sabe por que a embalagem e venda são sinônimos, entre em contato com a Ideia Embalagens, temos a solução que você procura!