Os investimentos em marketing são necessários para aquelas empresas que querem crescer, independentemente de seu atual porte. Com a estratégia adequada, os pequenos negócios podem garantir um grande e importante êxito em suas ações de mercado.

Para alcançar seus objetivos através de suas estratégias de marketing para pequenas empresas, é necessário ter alguns cuidados e traçar planos específicos. Se você pretende fazer sua empresa crescer, confira esses 7 cuidados para garantir o sucesso:

1. Saiba exatamente quanto deve investir

Muitas empresas acabam desistindo de investir em marketing porque consideram isso como um custo. Tal visão acaba se tornando um engano extremamente prejudicial aos negócios. Ainda que não tenha tanto para investir no momento, deve-se planejar e separar recursos para alocar nessa área, estudando bem os canais para os aportes financeiros.

Uma das formas mais comuns de demarcar o valor a ser investido é destinando um percentual dos lucros para os esforços de marketing. Mas esse valor não deve ser utilizado em apenas um meio de divulgação. As estratégias devem englobar plataformas que, quando são trabalhadas em conjunto, aumentam as chances de resultados positivos.

Por exemplo: o marketing tradicional e o marketing digital. Cada um apresenta características próprias e que também proporcionam bom retorno. Ao definir o valor do investimento, você deverá considerar a inclusão de veículos nos dois âmbitos, ao invés de escolher apenas uma ferramenta para concentrar todas as suas ações.

2. Trabalhe o seu ponto de venda adequadamente

Além de todos os esforços com o marketing para pequenas empresas e outras ferramentas de divulgação, sua empresa também precisa dar atenção ao seu ponto de venda. Afinal, é dentro de sua loja que o cliente tem contato direto com os produtos, de sorte a aumentar as chances de concluir a compra.

Invista em um ambiente agradável, com a iluminação e temperatura ideal. Além disso, garanta que o estabelecimento tenha espaço suficiente para seus clientes circularem e visualizarem as mercadorias e displays.

É imprescindível que você também utilize materiais de divulgação em ponto de venda, como: adesivos, placas, cartazes, totens e outras ferramentas que podem atrair e convencer o seu cliente a consumir.

Mas, tenha muito cuidado para não exagerar e acabar criando um ponto de venda muito carregado e pouco eficiente esteticamente.

3. Nunca afaste a equipe de marketing do time de vendas

Para garantir o sucesso, vale a pena sempre manter suas equipes unidas e trabalhando em conjunto. Fazer com que os profissionais de marketing e o seu time de vendas interajam é um passo a mais para alcançar as metas e objetivos traçados no seu planejamento anual.

Quando seus colaboradores estão em sintonia, rendem resultados melhores, pois acabam trabalhando em prol do alcance de metas da empresa, e não somente de sua área de atuação. Empresas em que os setores não possuem amarração acabam sofrendo com os problemas de comunicação, que prejudicam não somente as vendas, mas a organização interna da empresa também.

Você poderá aproveitar treinamentos e capacitações para envolver suas equipes. Isso ajudará com que desenvolvam habilidades de trabalhar em harmonia.

4. Saiba tudo sobre os seus produtos

Para vender algum produto, é necessário conhecê-lo bem. Tenha certeza de que sua equipe sabe exatamente o que é o seu produto e o entenda — em todos os aspectos e detalhes.

Além de saber como o produto funciona, seus benefícios e qualidades, a equipe também deve estar a par sobre como demonstrá-lo para os consumidores. Ao utilizar as técnicas certas, o número de vendas concluídas aumentará consideravelmente.

Quando um cliente compra um produto, ele não está escolhendo por saber que aquele artigo possui qualidades, mas sim porque é exatamente do que precisa naquele momento. Ou seja: ele não quer apenas mais um item na sua casa, mas sim a solução dos seus problemas. É isso que sua equipe precisa demonstrar para seus clientes em potencial.

Conhecendo os aspectos e características dos itens que estão à venda, sua equipe consegue encontrar a melhor forma de demonstrá-lo para cada cliente.

5. Faça um plano de marketing

O planejamento é primordial para que uma empresa cresça e veja suas iniciativas darem certo. Deixar para decidir tudo de última hora não resultará em bons frutos. O ideal é ter um plano de marketing que inclua ações futuras, como, por exemplo, todas as estratégias pensadas para o ano.

Monte um bom cronograma de ações de mercado, baseadas em seus investimentos, tanto em marketing tradicional como no digital. No cronograma, insira as datas importantes e eventos quando você pode aproveitar para atrair novos clientes e aumentar as vendas.

É importante que o projeto também compreenda estratégias internas, como a capacitação de funcionários, a atualização da vitrine e outras ações que podem colaborar para o crescimento do seu negócio.

6. Capriche no seu atendimento

O bom atendimento é o diferencial de qualquer empresa. Isso faz com que o treinamento de funcionários seja uma iniciativa fundamental do seu negócio.

Garanta que a sua loja tenha o número adequado de pessoas para atender seus clientes de forma eficiente. Analise se o número de caixas é satisfatório ou se os consumidores precisam esperar muito tempo na fila para serem atendidos.

Se houver demanda, contrate novos colaboradores em datas de maior movimento. Mas, não se esqueça de treiná-los apropriadamente para exercer sua função de maneira correspondente.

Invista também em um bom pós-venda. Para isso, treine pessoas para entrar em contato com os consumidores antigos, de forma que não cansativa ou importuna. Isso servirá para fidelizar o maior número de clientes possível.

7. Avalie o seu mercado de atuação constantemente

Um dos maiores cuidados que uma empresa deve tomar é estar de olhos atentos ao que os seus concorrentes estão fazendo e o que o público-alvo está desejando no momento.

Acompanhar as ações de seus concorrentes ajudará a garantir que você nunca esteja atrás deles. Ao perceber que mudaram algo em sua forma de atender, verifique como foi a reação do público. Se for positiva, trate de analisar o seu método e encontrar uma maneira eficaz de superar o seu rival de mercado.

Ao observar atentamente as outras empresas, você terá a oportunidade de bloquear as ações de marketing deles e atrair a clientela para seu negócio. Mas, para que isso dê certo, você também precisa conhecer exatamente quem é o seu target ou público-alvo.

É válido frisar que a definição de público-alvo é muito mais do que apenas idade, sexo e local em que vivem as pessoas que você pretende atingir. É preciso incluir nessa lista os hábitos, os gostos, costumes, necessidades e desejos. Conhecendo tudo isso, você será mais capaz de criar estratégias e ações que possam atrair clientes para você.

Faça o seu plano de marketing e cuide bem para destacar a sua empresa no mercado. Se tiver gostado dessas dicas, que tal compartilhá-las nas redes sociais?